Nascida em Santos em 1989, Bruna é filha de pais pernambucanos e foi criada em Timóteo, interior de Minas Gerais. Foi para Belo Horizonte estudar Ciências Sociais na UFMG, mas formou-se em Comunicação Social, também na UFMG. Conheceu as linguagens da gravura, serigrafia, desenho e pintura em cursos e oficinas livres pelo Brasil. Bruna atuou muitos anos como educadora e designer da Agência de Iniciativas Cidadãs - AIC (Belo Horizonte), também teve importante atuação como bolsista de extensão do Polo de Integração da UFMG no Vale do Jequitinhonha e como educadora da Casa Uaná - PE.
Sobre as técnicas que usa, Bruna gosta de trabalhar com materiais bem variados: gravura, serigrafia, estêncil, carimbo, pintura com acrílicas e látex, lápis de cor, giz, colagem, entre outros. Em 2020 publicou seu primeiro livro como autora de texto e imagem, o "Dentro de Casa" (Ed. Aletria), livro que ganhou o Selo Cátedra Unesco PUC Rio e entrou para seleção do Clube Quindim. No mesmo ano ficou entre os 5 finalistas do Prêmio Jabuti na categoria ilustração com o livro "Oir o Rio" (Ed. Sowilo). Em 2021 ilustrou e escreveu "Contos de Cabras e Bodes" (Ed. Jandaíra), que entrou na importante seleção do Clube Quindim e da Prefeitura de São Paulo. "Contos de Cabras e Bodes" reconta duas histórias orais de Sekuru Compound Muradzikwa (Zimbábue), mestre tocador de Chipendani que assina, junto com Bruna, a autoria da obra. Ainda em 2021 o livro "O Conto do Rouxinol em Cordel" (Ed. Aletria), com ilustrações suas, ganhou o Selo "Altamente Recomendável" da FNLIJ e o livro "O Tio + Oito" (Ed. Caixote), ilustrado por Bruna, entrou para importante seleção da Taba Rede de Leitura.

Entre outros livros, Bruna também ilustrou "De Passinho em Passinho" (Cia. das Letrinhas), escrito por Otávio Júnior, ganhador do Prêmio Jabuti em 2020; "O bicho mais poderoso do mundo" (Ed. Aletria) e "Meu avô é um Tata" (Ed. Pallas), ambos selecionados para o catálogo da Secretaria de Educação de São Paulo. 
________

Bruna Lubambo is a Brazilian illustrator. She was born in Santos in 1989, and is the daughter of parents from Pernambuco and was raised in Timóteo, in the countryside of Minas Gerais. She went to Belo Horizonte to study Social Sciences at UFMG, but ended up graduating in Social Communication, also at UFMG. She learned about the languages ​​of engraving, serigraphy, drawing and painting in free courses and workshops throughout Brazil. Bruna has worked for many years as an educator and designer at the NGO Agência de Iniciativas Cidadãs - AIC (Belo Horizonte). She also had an important role as an extension fellow at the UFMG Integration Hub in Vale do Jequitinhonha and as an educator at Casa Uaná - PE. 
About the techniques she uses, Bruna likes to work with a wide range of materials: engraving, silkscreen, stencil, stamp, painting with acrylics and latex, coloring pencils, chalk, collage, among others. In 2020, she published her first book as a text and image author, "Dentro de Casa" (Ed. Aletria), a book that won the Selo Cátedra Unesco PUC Rio and was selected for the Clube Quindim selection. In the same year she was among the 5 finalists of the Jabuti Award in the illustration category with the book "Oir o Rio" (Ed. Sowilo). In 2021, she illustrated and wrote "Contos de Cabras e Bodes" (Ed. Jandaíra), which entered the important selection of the Clube Quindim and the City Hall of São Paulo. "Contos de Cabras e Bodes" retells two oral stories by Sekuru Compound Muradzikwa (Zimbabwe), Chipendani's master player, who signed, together with Bruna, the authorship of the work. Also in 2021, the book "O Conto do Rouxinol em Cordel" (Ed. Aletria), , won the Seal "Highly Recommendable" by FNLIJ together with her illustrations and the book "O Tio + Oito" (Ed. Caixote), illustrated by Bruna , joined the important selection of Taba Rede de Leitura. 
 Among other books, Bruna has also illustrated "De Passinho em Passinho" (Cia. das Letrinhas), written by Otávio Júnior, winner of the Jabuti Prize in 2020; "O Bicho mais Poderoso do Mundo" (Ed. Aletria) and "Meu Avô é um Tata" (Ed. Pallas), both selected for the catalog of the São Paulo Department of Education.
Voltar ao topo